Luís Rufo

Em meu nome e de todos os Órgãos Sociais da Irmandade de Santa Cruz apresento as minhas mais cordiais saudações.

Esta Instituição – a caminhar para os cinco séculos de existência – teve/tem como desígnio na sua matriz assistencial a dignificação e valorização da condição humana.

Possuindo múltiplos serviços no apoio à Infância (Creche e Infantário) e à Terceira Idade (Lar de Idosos, Centro de Dia e Serviço de Apoio Domiciliário – em instalação este último) pretende neste autêntico serviço de utilidade pública de amor ao próximo praticar a solidariedade e o bem comum.

Desejamos, através desta ferramenta informática, divulgar convenientemente os valores, causas e serviços que projetamos melhorar todos os dias através de uma dinâmica de justiça e apoio social.

O nosso caminho ao longo dos séculos foi sempre trilhado em pressupostos de FÉ, ESPERANÇA e CARIDADE.

Citando o PAPA FRANCISCO, in “Laudato Si” “Desta forma cuida-se do mundo e da qualidade de vida dos pobres, com um sentido de solidariedade que é, ao mesmo tempo, consciência de habitar numa casa comum que Deus nos confiou.”

Precisamos de todos e cada um para que se alcancem os desideratos a que, de corpo e alma, nos propomos conseguir.

O Provedor,

Luís Rufo